Como estudar para concurso da Polícia Federal?

Convenhamos, o concurso da Polícia Federal é um dos mais concorridos e desejados dentre os concurseiros, tanto pela carreira, quanto pelo cargo e pela estabilidade que é possível alcançar.

Essas características fazem com que milhares de pessoas busquem por dicas de como estudar para concurso da Polícia Federal e treinamentos para alcançar a aprovação.

Sendo assim, eu apresento a você um guia para começar a se preparar para o concurso da Polícia Federal e realizar o seu sonho.

Aqui no Syd Concursos apresentamos diversas informações para ajudar os concurseiros nos seus estudos.

Descubra como estudar para concurso da Polícia Federal

Antes de descobrir como estudar para concurso da Polícia Federal, é importante dizer que todos os anos são abertas novas seleções públicas para atuar na área, sejam elas administrativa ou mesmo para agentes de campo.

Mas antes de começar a estudar, você deve refletir sobre o seu perfil e se a carreira policial é mesmo o que deseja, pois a jornada para o cargo público é bastante penosa e até mesmo solitária.

Por isso, quanto mais certeza você tiver, menor a probabilidade de desistir no meio do caminho.

Entretanto, se você tem a carreira policial como objetivo de vida, acompanhe as nossas dicas e aprenderá como estudar para concurso da Polícia Federal.

Tenha o último edital em mãos

O primeiro passo de como estudar para concurso da Polícia Federal é conhecendo a banca, as provas e revendo os últimos editais.

Como tudo na vida, estudar para concurso público exige planejamento e definição de estratégias, e por isso é essencial que você conheça o terreno pelo qual irá caminhar.

Assim, baixe os últimos editais, verifique qual a banca realizadora das últimas provas e quais as disciplinas cobradas na prova, afinal ele será o seu guia nessa jornada de estudos.

Foque nas matérias básicas e depois invista nas específicas

Agora que você já conhece o “inimigo” e o caminho pelo qual irá percorrer, é o momento de se ocupar do ciclo de estudos e das matérias a serem revisadas.

Um dos maiores erros dos concurseiros é focar apenas nas matérias específicas, ou ainda, estudar apenas as disciplinas que têm mais afinidade.

Contudo, o que garante uma boa colocação em qualquer que seja a prova de concurso é ter uma base bem fundamentada. Ou seja: nada de fugir das disciplinas de Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico, Direito Constitucional e Administrativo.

Estas matérias que compõem os conhecimentos básicos da sua prova têm que estar em primeiro lugar no seu cronograma de estudos e questões.

Quando você verificar que já está indo muito bem nestas disciplinas, é o momento de inserir os conhecimentos específicos da sua prova, conforme o edital.

Por isso, digo que um dos melhores meios de como estudar para concurso Polícia Federal é investindo a longo prazo, pois memorizar e ter uma base sólida pode levar tempo.

Não tem como fugir: construa a sua base primeiro, revise, resolva questões e depois passe para o próximo nível.

Resolva questões e simulados

Como disse anteriormente, não tem como fugir do óbvio: se preparar para concurso público é um jogo de persistência, resiliência e foco diário. Por isso, estudar e revisar são atividades diárias, mesmo para as carreiras policiais.

Sendo assim, um dos meios mais eficazes de estudar e fixar o conteúdo é resolvendo questões e simulados, pois é a partir deles que você vê de forma prática como a banca cobra a teoria, além de treinar para o dia da prova.

No caso do simulado, é importante que você simule o dia da avaliação, incluindo horário e tempo de duração do teste, para que seja possível sentir na pele como é uma prova da Polícia Federal.

Prepare-se para a Prova Dissertativa

Outro grande erro do concurseiro de primeira viagem é esquecer das outras etapas da seleção, como a prova dissertativa e o TAF.

Não esqueça que a prova dissertativa faz parte das etapas do concurso da Polícia Federal e possui caráter eliminatório e classificatório.

Contudo, para saber como estudar para concurso da Polícia Federal e para a prova dissertativa você deve saber quais foram os temas das redações anteriores e quais os critérios de avaliação da banca.

Sendo assim, estar atualizado no que acontece no Brasil e no mundo é essencial para ter uma boa escrita e construir argumentos lógicos, que são aspectos avaliados nos textos dissertativos.

Treine para o Teste de Aptidão Física (TAF)

Por fim, temos o tão temido Teste de Aptidão Física (TAF), que é uma das fases com maior índice de reprovação.

Para uma preparação física, é necessário sair do sedentarismo e tentar, aos poucos, realizar os testes físicos conforme o disposto no edital.

Sendo assim, comece hoje mesmo a se mexer, se alimentar e dormir melhor para que você tenha uma boa disposição para os treinos de corrida e abdominal, por exemplo.

Nesse sentido, não existe caminho mais fácil ou atalho de como estudar para a Polícia Federal, portanto comece a sua preparação hoje mesmo e se mantenha firme na missão!

Desejo a você uma boa preparação para alcançar a sua aprovação no próximo concurso!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.